Sapato Salto Alto

Tenha pena dos seus pobres pés! Num dia comum, eles dão cerca de 9000 passos e absorvem centenas de toneladas de tensão de todo o seu corpo. Por isso, não é de surpreender que muitas pessoas, principalmente as mulheres, tenham vários problemas nos pés. Os especialistas afirmam que uma das principais causas desses problemas são os sapatos de salto alto e calçados demasiado apertados. Os sapatos de salto alto, que normalmente temos que apertar bem para não saírem dos pés, são o número um na lista dos culpados.

O Preço a Pagar de Usar Sapato Salto Alto

Desde o século XVI que os saltos altos são sinônimo de moda. O por quê? Porque os saltos altos fazem as mulheres parecerem mais altas e elegantes. Mas, a aparência tem o seu preço…

Quando os dedos dos pés são apertados demais num espaço estreito eles podem se sobrepor ou até mesmo se deformar. Os sapatos pontiagudos podem causar joanetes e também o chamado neuroma de Morton – a formação de tecido nervoso e fibroso frequentemente entre o terceiro e quarto dedos – cujos sintomas são dor, sensação de queimadura, formigueiro ou entorpecimento.

A fricção causada por sapatos apertados pode resultar ainda em bolhas, calosidades e unhas encravadas. Embora a maioria destas reações seja tratável, algumas podem necessitar de cuidados mais especiais, até mesmo cirurgia.

Os saltos altos também afetam outras partes do corpo uma vez que deslocam o peso para a parte da frente do pé, forçando os ligamentos da parte de trás da perna a se contraírem causando o encurtamento dos músculos da batata da perna. Além disso eles também causam hiperextensão das costas e do pescoço, afetando diretamente os músculos e desequilibrando todo o corpo. Quanto mais alto for o salto do sapato, pior ainda é essa tensão.

Alongamento Preventivo para Evitar Dores

Usar sapatos rasos e tênis ajuda a evitar os problemas mencionados acima. Se você usar sapato de salto alto, experimente os seguintes exercícios de alongamento para poupar as costas e as batatas das pernas:

  • Parte inferior das costas. Deite-se de costas e dobre os joelhos sobre o peito. Empurre a área dos rins contra o solo. Mantenha-se nessa posição durante um minuto. Depois, conservando o ombro esquerdo no chão, deixe cair os joelhos para a direita e mantenha a posição por mais alguns segundos. Repita o mesmo do outro lado.
  • Batata das pernas. Coloque as palmas das mãos sobre uma parede. Avance um pé a frente e dobre a perna. Mantenha a outra perna direita. Incline-se lentamente para frente, mantendo o calcanhar do pé de trás ainda no chão, e permaneça assim por alguns segundos. Depois disso repita o processo do outro lado.

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *